Projecto de Remodelação e Ampliação da Quinta da Cova do Milho

Ficha Técnica

Estudo prévio - Arranjos Exteriores
Local: Sítio da Achada do Milho - Santa Cruz (Madeira)
Ano: 2004
Área: 14 715 m²


A proposta levada a cabo incide sobre as áreas exteriores da quinta, a qual constituirá uma nnidade hoteleira de referência no âmbito do Turismo de Natureza, pelo que se torna de elevada importância efectuar um tratamento integrado e cuidado dos seus espaços exteriores, nomeadamente das zonas verdes.

Trata-se de uma área naturalizada, de elevada qualidade estética e ambiental e simultaneamente de grande valor ecológico e cénico, na proximidade do Campo de Golf do Santo da Serra.

Neste espaço ocorrem diversas espécies vegetais características da permanência da floresta laurissilva, o que por só constitui uma mais valia, que o Projecto de Arquitectura Paisagista pretendeu reforçar.

Tratando-se de uma unidade hoteleira no âmbito do Turismo de Natureza pretendeu-se que os seus utilizadores e visitantes pudessem reconhecer os valores ecológicos e o carácter rural e natural que este espaço encerra. Mas que também pudessem de algum modo apropriar-se dessa natureza, participando dela e retirando partido da sua imagem excepcional.

Deste modo criaram-se espaços distintos, que foram tratadas consoante a sua localização e função, mas que no seu todo formam uma unidade integrada e coesa. Assim surgiram no desenvolvimento do projecto:
- Zonas de recepção - envolventes à casa principal;
- Zonas didácticas de recreio – espaço agrícola e parque ornitológico;
- Zonas de enquadramento – utilização de vegetação para criar formas e volumes que inserem as novas construções no terreno;
- Estabilização de taludes – para garantir uma maior sustentabilidade das soluções adoptadas;
- Jardins semi-privados - zona verde anexa aos bungalows;
- Zonas de estadia - locais de contemplação e de estadia prolongada;
- Zonas de clareira – aréas abertas cobertas por um prado florído;
- Zonas de transição - sebes no limite do terreno.

Voltar ao Topo