Habitação Unifamiliar

Ficha Técnica

Estrudo Prévio e Projecto de Execução Local: Sesimbra
Ano: 2004-06
Área: 8 200 m²
Orçamento: 260 000 €
Arquitectura: Jorge Manuel Nunes Castelão


Tratando-se de uma residência unifamiliar pretende-se que os espaços exteriores promovam a sua apropriação por parte dos residentes, constituindo simultaneamente uma referência para os seus visitantes. De forma a contribuir para uma maior legibilidade e enriquecimento do espaço são definidas zonas de intervenção distintas, tratadas consoante a sua localização e função (zonas de enquadramento, zonas de estada preferencial e zonas de recreio e lazer).

Como áreas de enquadramento considerou-se a zona de entrada automóvel, em calçada de granito, cujos limites se esbatem na calçada miúda de calcário que serve de caleira de drenagem superficial. Este acesso é ladeado por uma pontuação ritmada de vegetação arbórea, inequivocamente marcante. Também constituem áreas de enquadramento as sebes que envolvem a piscina, que não só redefinem e valorizam este espaço, como formam uma cortina visual que confere privacidade aos seus utilizadores e minimiza os impactes das construções anexas.

As zonas de estada preferencial correspondem a uma esplanada, em frente à piscina, a qual pode eventualmente ser coberta por uma pérgola; a uma área de solário, na sua continuação; e a uma praceta definida sobre o lago, que surge no cruzamento de dois caminhos, e que terá um carácter mais primado e íntimo.

As áreas de recreio e lazer surgem como apoio à piscina e solário e restantes áreas livres. São constituídas ainda por um campo de ténis, uma ciclovia em gravilha calcária com um aglomerante em resina, e um horto de herbáceas condimentares e aromáticas.

Voltar ao Topo